página inicialcontato@bulbox.com.br
 
 
 
 
 
 
:: Volume de lixo só cresce na Caximba
Gazeta do Povo :: 14/02/2007 ::

A quantidade de lixo que segue para o Aterro Sanitário da Caximba tem aumentado progressivamente, apesar de todos os esforços do Ministério Público do Paraná em tentar conscientizar as prefeituras da região metropolitana de Curitiba. Hoje, segundo o Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça do Meio Ambiente, a média diária de lixo encaminhada ao aterro é de 2.359 toneladas. Entre 2005 e 2006, o volume total depositado na Caximba passou de 670.790 para 707.718 toneladas. Nesse ritmo, a vida útil do aterro deve terminar em dezembro de 2008.

:: retornar ::